31/08/2023 às 14:43 Congressos

A Magia do Festival Metamorphosis: Uma Jornada Inspiradora de Fotografia, Energia e Criatividade

66
4min de leitura

Hoje trago um post sobre algo especial que vivi recentemente, o Festival Metamorphosis, em Lajeado no Rio Grande do Sul - Brasil.

O cenário pitoresco de Lajeado foi palco de uma experiência verdadeiramente mágica no Festival Metamorphosis. Este evento deslumbrante não só trouxe à tona o mundo da fotografia, mas também inundou o espaço com uma energia especial que pairava no ar, alimentando a paixão dos participantes.

Explorando a Fotografia e Além: Um Festival de Energia e Inspiração

Debate intenso, ideias criativas e olhares apaixonados sobre a fotografia ecoaram nos corredores do Festival Metamorphosis. A paixão por capturar momentos e histórias através das lentes das câmeras uniu pessoas de diferentes horizontes sob um mesmo propósito. No entanto, este evento foi muito mais do que simplesmente falar de imagens estáticas.

Através de cada conversa, cada sorriso partilhado e cada conexão feita, uma energia única emergiu, transformando o festival em um encontro de almas afins. Esta vibração especial não apenas intensificou a experiência da fotografia, mas também criou um ambiente onde as conexões humanas eram tão vívidas quanto as imagens capturadas.

Assisti a palestras inspiradoras, não só para a parte fotográfica mas também em tudo que rodeia o mundo de um fotógrafo, desde gestão de negócio, o poder das redes sociais, histórias de superação e uma união dos palestrantes e congressistas que raramente assisti em congressos.

Inspirando com Palavras: O Poder do Humano e do Criativo

Coube-me a mim encerrar o Festival, um desafio gigante por ser depois de dois fotógrafos que muito admiro mas que também são do melhor que o Brasil já teve, Wellington Fugisse e Nei Bernardes. Desafio também por ter de falar como podemos ter sucesso na fotografia numa era da Inteligência Artificial. Tinha sobre mim a responsabilidade de falar com sinceridade sobre o tema da moda mas criando confiança no futuro que temos pela frente.

Palestrar sobre o poder da humanidade e da criatividade no contexto da crescente inteligência artificial foi um momento profundo e impactante. Tentei deixar claro que, apesar dos avanços tecnológicos, a essência humana é insubstituível. A plateia absorveu cada palavra, reconhecendo o valor da nossa capacidade de inovação, empatia e imaginação.

Não conseguirei esquecer tudo que preparei para a palestra, a entrada feita pelo meu AI LOPES, a minha versão virtual, que começou por lançar um desafio a todos os presentes

Foi uma experiência verdadeiramente gratificante ter a oportunidade de desvendar os mistérios da tão discutida Inteligência Artificial (IA), mergulhando nas raízes da sua criação e evolução. Contudo, o cerne da palestra revelou-se na exploração daquilo que nos torna humanos: nossos sentimentos, emoções e inigualável criatividade. Enfatizei a importância de valorizar a autenticidade do ser humano, destacando como nossa capacidade de sentir e criar permanece inigualável no mundo da tecnologia. Naquele momento, a sala estava repleta de olhos brilhantes, ávidos por compreender não apenas o potencial da IA, mas também a magia singular de nossa humanidade.

O epílogo da palestra, uma homenagem que resolvi fazer a dois seres humanos incríveis, o Mauricio Kunzler e Ana Zago, os verdadeiros exemplos de perseverança e vitória, ecoou profundamente na sala.

Depois e com a minha "sobrinha" no palco comigo resolvi compartilhar minha própria jornada recente - desde desafios como um acidente grave de carro e a pandemia até a coragem de abandonar um banco - o objetivo era claro: inspirar a plateia a abraçar a paixão, perseguir os sonhos e não hesitar em trilhar o extraordinário caminho da realização. E então, a culminação de emoções e inspirações foi elevada ao máximo com um vídeo inspirador (criado pelos fantásticos Torga Films, acompanhado da envolvente melodia de Nightbirdie, recordando-nos da força inigualável que carregamos para transformar sonhos em realidade.

Workshop "Luz Dura - Coração Mole": Uma Experiência Transformadora

No dia seguinte ao final do Festival tive um momento especial, ministrar o meu primeiro Workshop "Luz Dura - Coração Mole".

Enquanto a fotografia foi o tema central, as primeiras 2 horas deste workshop levaram os participantes a uma jornada muito além das técnicas fotográficas. Descobrimos que sermos humanos nos permite conectar e alcançar níveis mais profundos de compreensão. O tal Coração Mole ! A mim marcou-me imenso e permitiu descobrir um pouco mais do propósito que quero trazer para estes momentos de ensinamento e partilha.

No workshop, mergulhámos em um ambiente onde a autenticidade e a expressão eram as estrelas. A técnica da "Luz Dura", a explicação de como pensei e executei algumas das minhas fotografias, o uso de IA para nos ajudar a obter mais tempo livre, a gestão de negócios, como vender mais e melhor, tudo foi tema para debates, partilhas e acima de tudo de uma sinergia fantásticas. Só posso ser grato a todos presentes.

Para memória futura fica a turma incrível, Thiago Silva, Leonardo Kerkhoven, Igor Guedes, Ana Zago, Simone Di Domenico, Yure Richard, Junior Barreto, Wellington Fugisse, Evandro Veiga, Lucas Lermen, Jonatan Diego, Junior Kras, Diego Frigo, Anderson Lima, Leonardo Pegoraro, Marcio Medeiros, William Rafael, Leo Diaz.

Agora venha 2024 para voltarmos a desfrutar de mais momentos especiais. Como dizia a amiga Simone Di Domenico "O Metamorphosis já nasceu Grande", e não se trata de um evento mas sim de um movimento, um movimento do qual tenho gosto de ter participado e que quero voltar sempre que conseguir. Foi especial, ainda está a ser, e as saudades são realmente fortes. Até já amigos !






31 Ago 2023

A Magia do Festival Metamorphosis: Uma Jornada Inspiradora de Fotografia, Energia e Criatividade

Comentar
Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Copiar URL